Skip to content

Folha, de rabo preso com o PSDB

9 de Agosto de 2010
tags:

Fonte: http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2010/08/folha-de-rabo-preso-com-o-psdb.html

 

O jornal Folha de São Paulo, edição deste domingo, está imperdivel para o PSDB. São páginas e mais páginas de pura campanha Serra presidente, Alckmin governador.

As notícias que passaram o dia de ontem estampando a capa da Folha online, hoje estão no jornal impresso, e na internet também. Todas elas negativas ao governo Lula.No Brasil, as notícias a serem destaques e a produzir escândalos referem-se quase exclusivamente ao PT. Mesmo com o atual escândalo envolvendo o "ex"-partido de Arruda, o PFL (vulgo DEM), a mídia restringiu o escândalo ao "DEM de Brasília". O resto do partido "não sabia de nada" e o fato de ele ser preterido na chapa com José Serra nunca é lembrado pela imprensa. O que não ocorreria se ele fosse possível vice de Dilma Rousseff (PT), por exemplo. Vejam exemplos;

-Previ é fábrica de dossiê do PT, diz ex-diretor

-Lula e Dilma ampliarão visitas a SP para impulsionar Mercadante

-Doze grupos ficam com 57% de repasses do BNDES

-Lista de operações divulgada pelo banco é de difícil consulta

-BNDES investiu em fusões e aquisições

-Análise Exame nacional do ensino médio: Desafio do MEC, agora, é superar suspeitas

O artigo escrito por João Humberto Venturini e publicado no Observatório da Imprensa, resume muito bem as notícias publicadas hoje no jornal Folha de São Paulo.Há algum tempo, a presidente da Associação Nacional dos Jornais (ANJ) e executiva do jornal Folha de S.Paulo, Maria Judith Brito, deu a seguinte declaração ao jornal O Globo:

"E, obviamente, esses meios de comunicação estão fazendo de fato a posição oposicionista deste país, já que a oposição está profundamente fragilizada."

Essa frase representa o que muitos já sabiam, ou seja, que a grande imprensa no Brasil se tornou um verdadeiro partido político. Os principais membros desse partido são controlados por famiglias poderosas, como Abril (Civita), Estado (Mesquita), Folha (Frias) e Globo (Marinho). Esse partido da imprensa, que é chamado também de PIG (Partido da Imprensa Golpista) na internet, atua geralmente como porta-voz da oposição e, ás vezes, como um partido apêndice destes. Ora a imprensa reverbera e apóia incondicionalmente todas as acusações da oposição ao governo Lula (atuando como porta-voz desta), ora escandaliza qualquer coisa e produz factóides para a oposição explorar, fazendo assim uma "dobradinha" oposicionista (atuando como partido apêndice).

Escândalos são exclusividade do PT

Antes de Lula ser eleito, a imprensa apoiou o governo tucano durante os oito anos do "reinado FHC" e já era partidária, mas ainda não agia como um partido. Depois da eleição e reeleição do presidente Lula começou a radicalização e transformação do partido da imprensa. Ficaram decepcionados por a oposição PSDB/PFL (atual DEM) não ter dado o golpe e tirado Lula do poder em 2005.

Fazer papel de oposição não é função da imprensa em um regime democrático, pois investigar as ações de um governo não significa manipular informações e mentir para beneficiar um grupo político. Infelizmente, é isso que a imprensa faz, pois usa pesos e medidas diferentes no campo político. Para ler o artigo completo, aqui o link

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: